30 animais com marcas incomuns

0
258

Assim como os humanos, os animais têm o potencial de nascerem com um conjunto distinto de características, mutações genéticas que afetam a maneira como eles parecem e interagem com o mundo ao seu redor. No entanto, a possibilidade de variação nos animais é basicamente infinita: Cores vibrantes, marcas insanamente complexas, e os padrões de pelo estranhos, para citar alguns.

Abaixo estão alguns animais incomuns, e uma explicação de algumas das condições que causam suas aparências únicas.

Confira:

# 1. Este filhote de cachorro tem um padrão de manchas muito, muito legal.

# 2. Peixes Betta podem ter intensas cores vibrantes – juntamente com personalidades intensas.

# 3. Esta arara tem xantocromia, o que significa que ela tem uma quantidade anormalmente elevada de pigmentação amarela em suas penas.

# 4. Animais quiméricos têm uma mistura de tecidos geneticamente distintos que surgem a partir de dois ou mais ovos fertilizados que se fundem no útero – o que significa que são essencialmente dois gêmeos que se fundem em uma única criatura.

# 5. Como todos os animais com esta condição, esse labrador quimérico contém dois conjuntos completos de DNA.

# 6. Você não vê algo como uma píton prateada todo dia.

# 7. Alguns diriam que esta tartaruga tem albinismo, mas ela na verdade tem leucismo: Algumas partes do seu corpo tem cor, enquanto outras não.

# 8. Como este pavão, que tem leucismo parcial.

# 9. E este, que tem uma coloração azul sobre o peito.

# 10. Aqui, você pode ver duas variações de cores vistas em um par de leoas – a da direita tem leucismo.

Responder