Conheça o simulador de morte chinês

0
156

A curiosidade do ser humano não tem limites. E, nos tempos atuais, acabamos nos adaptando a algo chamado realidade virtual.

Tal realidade que é usada em simuladores para treinamento de pilotos de carros e aviões, por exemplo. Mas que também é usada em videogames para simular casas do terror, montanhas russas ou simplesmente um sexo virtual (sim, isso existe).

E, para mostrar que não temos limites, você vai conhecer agora o simulador de morte da China!

O exemplo do post não tem nada muito relacionado a realidade virtual, pois este simulador é mais um simulador mesmo. Entendeu?

Bem, deixa eu explicar como isso funciona.

Os participantes se juntam numa sala para discutirem sobre a vida e a morte. Durante a conversa, quem tiver o pior argumento sobre sacrificar a si mesmo ou a vida de outro alguém é escolhido pelos demais a morrer.

O convidado a conhecer a dona morte passa por uma simulador de cremação, porém sem altas temperaturas por motivos óbvios.

E, no final de tudo, o novo morto ganha uma ótima surpresa: ele renasce em um buraco de látex.

O objetivo da atração chinesa é fazer o participante refletir sobre questões da vida e questionar sua própria existência, por isso ele renasce, para dar a ideia de que essa pessoa teve uma segunda chance.

Responder