Curiosity encontra uma “colher flutuante” em Marte

0
141

Nós vimos “ratos”, “esquilos”, “rostos”, até mesmo “elefantes” em Marte, mas esta nova imagem capturada pela sonda Curiosity, da NASA, é uma das vistas mais fascinantes de uma formação de rocha na superfície marciana.

Claro, como esses outros exemplos que eu inclui entre “aspas”, esta “colher” é mais um exemplo maravilhoso de pareidolia.

Esta última estranheza marciana foi descoberta por membros do fórum UnmannedSpaceflight.com em uma imagem capturada pela câmera Mastcam no dia 30 de agosto. Uma vez que você encontra, torna-se óbvio; a formação realmente se parece com uma colher suspensa no ar, logo acima da superfície rochosa. Mas, como Marte é desprovido de qualquer civilização avançada, há provavelmente uma resposta mais lógica para explicar essa colher flutuante.

A resposta lógica, no entanto, ainda é bastante impressionante.

A pareidolia é um fenômeno psicológico que faz com que nosso cérebro interprete algum tipo de estímulo visual aleatório como um padrão ou um objeto familiar. É o que nos faz ver animais em nuvens ou divindades em torradas. Um exemplo famoso é a “Face de Marte”, onde uma colina na região de Cydonia tinha o padrão de um rosto humano em observações da nave espacial Viking. Agora, temos câmeras de alta resolução em órbita sobre Marte, e provamos que o rosto não era nada mais do que um produto de algumas sombras fortuitas e uma “trapaça psicológica”.

Na Terra, se as condições forem adequadas, rochas, moldadas por centenas de milhares ou mesmo milhões de anos pela erosão do vento, podem parecer artificiais. Mas em Marte, onde a atmosfera é fina e a gravidade é mais fraca, processos erosivos podem criar estruturas muito mais interessantes do que em nosso planeta. O vento, que domina Marte, produz de tudo, desde pequenos diabos de poeira até tempestades em todo o planeta. Esta atividade ventosa cria vastos campos de dunas e vales que serpenteiam – e também pode criar pequenos arcos e saliências, como esta “colher”.

Então, mais uma vez, esta pequena formação é uma rocha comum que tem a forma de uma colher. Mas é uma rocha fascinante, e um achado impressionante, fornecendo algumas dicas geológicas para os processos de erosão que podem criar tais formações delicadas na superfície do planeta vermelho. [DiscoveryNews]

Responder