Essa mansão não é habitada desde 1895. Veja como ela está agora

0
204

Londres é uma cidade cheia de histórias incríveis. Cada edifício antigo viveu muitas vidas antes desta, com várias gerações vivendo nele e, eventualmente, saindo. É apenas difícil de rastrear o que essas vidas realmente foram, uma vez que normalmente todas as evidências foram deixadas com seus habitantes.

No entanto, um edifício manteve-se como uma cápsula do tempo para a sua vida passada. Ninguém vive nele há mais de 100 anos, o que nos dá um vislumbre de como era a vida naquele local naquela época.

Malplaquet House, uma mansão em Londres, que foi habitada pela última vez em 1895.

A mansão está situada numa rua tranquila no bairro de Mile End.

Paredes de tijolos e grades de ferro protegem a casa, que se destaca como um exemplo notável da arquitetura de meados do século 18.

Depois de passar por uma restauração recente, ela foi devolvida à sua antiga glória. Agora, é um tesouro de objetos e detalhes históricos.

Construída em 1741 pelo arquiteto Thomas Andrews, a Malplaquet House é descrita como um das “mansões esquecidos” da cidade.

Quando foi construída, era a casa de um fabricante de cerveja chamado Harry Charrington. Mais tarde, em meados do século 19, ela foi dividida em alojamentos independentes.

Em 1895, a propriedade passou a ser utilizada para armazenamento, e ninguém viveu lá desde então.

Alguns móveis foram adicionados mais recentemente, mas a casa mantém todas as suas características originais, como o fogão de cozinha em ferro fundido.

Construída durante o reinado de George II, a mansão é um excelente exemplo de decoração georgiana, incluindo paredes cheias de pinturas.

Esta escadaria está intacta desde 1795.

A sala de jantar no piso térreo ainda tem os pisos, janelas e persianas originais.

Uma segunda e pequena sala de jantar pode ser encontrada em um piso inferior.

A mansão possui cinco quartos, todos equipados com detalhes antigos.

Também na mansão: sete salas de recepção, perfeitas para receberem convidados.

Há também uma adega.

A jóia da mansão é o seu jardim, que inclui várias árvores e plantas.

A razão para a restauração? A casa recentemente entrou no mercado, e pode ser sua por apenas £ 2,95 milhões.

Via: BoredomTherapy

Responder