Mãos humanas são mais antigas que de chimpanzés

0
207

O homem pode não ter vindo totalmente do chimpanzé, ao menos é o que afirma os pesquisadores da Stony Brook University, de Nova York. De acordo com o estudo publicado nessa semana na Nature Communications, as mãos dos seres humanos são mais antigas que as dos chipanzés.

O que sempre fez com que acreditassem que o oposto fosse real era o fato de nós termos o polegar opositor, enquanto o macaco não, dando a impressão de sermos a evolução, mas a pesquisa descobriu exatamente o oposto e provou que as mãos dos chimpanzés são mais evoluídas do que a nossa.

As pesquisas foram baseadas em dois ancestrais humanos, o Ardipithecus Ramidus e onAustralopithecus Sediba, que viveram há cerca de 5,6 e 2 milhões de anos, respectivamente. E foi encontrado com nossos parentes longínquos o mesmo modelo de mãos que possuímos, com poucas alterações. Já nos ancestrais dos chimpanzés descobriram que seus dedos se alongaram a fim de ajuda-los a ficar pendurados nos galhos.

Evoluindo nas pesquisas, o grupo liderado pelo cientista Sérgio Almécija chegou a conclusão de que o nosso molde de mão existe pelo menos a 13 milhões de anos, desde a era hominíneas, que só reforça ainda mais o resultado da pesquisa.

Diferente dos nossos “primos” chimpanzés, cujas mãos foram moldadas de acordo com suas necessidades de se pendurar em galhos, o ser humano usa ferramentas manuais há pelo menos 3,3 milhões de anos, e essas ferramentas pouco alteraram o formato de nossas mãos, mas tiveram impacto maior neurologicamente, garante a pesquisa.

A descoberta desse fato pode desencadear outras pesquisas, ao menos garante Almécija, afinal, se nossa mão veio primeiro que as mãos dos chimpanzés, existe a possibilidade de que o corpo todo também tenha vindo antes. No entanto, ele reforça que gorilas e chimpanzés, assim como chimpanzés e orangotangos, são diferentes e não servem como base. [IFLScience]

Responder